... a natureza convida !...

A união em torno da Serra - usos costumes e tradições.

Duas freguesias unidas pela serra, um território cheio de potencialidades…
Carvalhais e Candal uniram tradições e saberes, e complementaram uma grande e forte comunidade, que dá gosto viver e prazer visitar...
As suas gentes são puras, tal como as suas águas cristalinas e as suas terras férteis. Da sua abundância, estes povos subsistiram no passado - dele extraíram conhecimentos cheios de tradição, desenvolvidos de geração em geração, proporcionando hoje, a paixão a quem visita estas paragens…
A Serra da Arada é o símbolo principal desta união - os seus montes e vales imponentes, encerram paisagens dignas de suster a respiração...

"Carvalhais, freguesia do concelho de São Pedro do Sul, aparece-nos pelo Nascente, na margem direita do rio Sul, daí cresce, estende-se e alarga-se no vasto e chão terreno do sopé da Arada e, por fim, subindo a vertente desta serra, vai terminar a Norte e Poente, mais ou menos, na linha divisória das águas do Vouga e do Douro, onde tem princípio uma das mais ridentes e belas regiões de Portugal, o decantado e verdejante Lafões.
O ribeiro Escuro, afluente do Sul e uma linha que, torcendo aqui, endireitando acolá, passe sobre o Trigal, galgue o Loureiro e trepe as Pedras Altas ajudam a delimitar pelo Nordeste as terras de Carvalhais que, pelo Sul, vão confinar com as freguesias de Bordonhos e Serrazes e com Santa Cruz da Trapa, a Poente."

in "Carvalhais - Elementos para o estudo da freguesia" -1963 - M. Correia Tavares

Desfrute... Nos seus planaltos pastam harmoniosamente manadas e rebanhos, como que fundidos na natureza. Descendo, surgem os sucalcos como uma pintura a premiar a relação do homem com a natureza. Mais a baixo, pinhais e carvalhedos, serpenteando os prados e lameiros verdejantes, que, com o casario, compõem um cenário apaixonante, vincado pelo trabalho árduo de séculos…

Estas são as terras e as gentes de Carvalhais e Candal… venha visitar…